sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Para Natália Machado

O post de hoje é dedicado à amiga Natália Machado, cuja família está enlutada desde ontem, em virtude do falecimento do avô querido.

Em momentos como esse, o que nos resta é orar, oferecer ombro, ouvidos, colo, tudo o mais para confortar os que ficam. Palavras são inúteis, especialmente aquelas "frases-clichê".

Amiga, só para reforçar aquilo que você já sabe: estou aqui, ao alcance de uma ligação, para o que você necessitar.

Com amor, da amiga Tatiana.