sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Órfã de novela

A novela das seis acabou há pouco, e já me sinto órfã. Nesses 29 anos de vida, não me recordo de ter sentido isso por nenhuma das muitas novelas que já vi.

Minha simpatia por "Escrito nas Estrelas" foi imediata: temática espírita, um amor que atravessou encarnações, e muitas outras coisas... Era quase magnética a minha ligação. Enquanto ainda estava trabalhando, as pessoas riam da obsessão em dirigir voltando para casa, "assistindo" a novela. 
Verdade seja dita, eu mais ouvia do que via, por motivos óbvios: o trânsito. Curioso é que eu tinha umas técnicas para acoplar o celular ao espaço originalmente do som; ou ainda, colocava no console, e ficava num ângulo perfeito e à prova de olhares curiosos (principalmente de ladrões).

Quando eu perdia um capítulo, era certo ir ao You Tube e assisti-lo. Compulsão? Obsessão? Bom, classifiquem como quiser... rs Eu chamo isso de grande afinidade com o tema, encantamento com as personagens...

Nesse exato momento, depois de enxugar as lágrimas e detectar que precisarei trocar a camisa que uso, por estar molhada de lágrimas, misturadas com uma quantidade razoável de maquiagem que escorreu. Chorei sim, não tenho vergonha de confessar. Chorei de soluçar!!!

A mensagem que vou guardar disso tudo é que a fé tudo suporta, e sustenta a gente nas horas boas e ruins. Se não chegou a hora ainda, há uma razão. Basta perseverar, orar e vigiar.

Mas sabe de uma coisa, não sei como vou preencher essa lacuna de tempo a partir de segunda-feira, rsrsrsrsrs. Tenho que arranjar uma nova ocupação...