terça-feira, 6 de março de 2012

Elogio fulminante!

Voltando do restaurante onde almocei com a Socorro, conversávamos quando, de repente, um homem surgiu do nada. Olhou e apontou para mim, dizendo:

- Moça, sabia que você é deslumbrante?

...agora, pergunte se eu lembro o assunto que estava conversando, naquele instante? Como diria a Fernanda, acho que até perdi o jeito de andar.