terça-feira, 13 de setembro de 2011

Day after

Ando feito panela de pressão... a ponto de explodir, e cozinhando por dentro.

Semana passada, decidi que ao invés de preparar o "terreno" para um infarto, ou um AVC, eu necessitava extravazar toda essa energia. Em meio a tudo que me veio à mente, decidi visitar uma academia onde há aulas de muay-thai.

Para quem não conhece, vamos à definição da Tia Wiki:
Muay thai é uma luta originária da Tailândia, país do qual é o esporte nacional. É conhecida como a arte das oito armas, pois se caracteriza pelo uso combinado de punhos, cotovelos, joelhos, canelas e pés, e associada a uma boa preparação física que a torna uma luta de contato total muito eficiente.[3]

Bom, agora que vocês já sabem do que se trata, rsrsrs, devo informar que minha primeira aula foi ontem. O instrutor é conhecido como "Paulista"; o ambiente é predominantemente masculino, apesar de, para minha surpresa, 1/3 dos alunos são mulheres. 

A primeira pergunta do cidadão foi: você já treinou alguma arte?, respondi que não. Ele perguntou: mas já bateu em alguém? Vejam bem, respondi que não por falta de vontade. Quem me conhece, sabe, rs.

Esquisito ou não, rsrsrs, a aula começou com alongamentos e com - pasmem - 200 polichinelos. Sim, meus caros, vocês podem imaginar a pessoa aqui pulando feito uma ginasial possuída, rsrsrsrs? Pois bem, com as panturrilhas fervilhando, os golpes tiveram início. Minha parceira era uma garota - provavelmente, 17 ou 18 anos - irrequieta, quase que passível de diagnóstico de DDA, rs.
E lá fui eu, guiada ora pelo instrutor, ora pela parceira. E foi um tal de jab - direto - jab - cotovelada - upper - direto - cruzado - joelho. Ufa! Cansou? Eu também, saí de lá suada como nunca, inacreditavelmente mais leve, feliz da vida.

Quando cheguei em casa, um incômodo nas mãos e voilà, os "nozinhos" (juntas) dos dedos inchados, com calos de sangue. Eu ri, e ri de novo, e postei foto no Facebook. Tomei um relaxante muscular e dormi... mas as 6h de sono foram pouco, rs.

É, meus queridos, agora tenho "autorização" para bater nas pessoas, ainda que seja às segundas, quartas e sextas, por 1h.