terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Back to work

Sabe quando o repouso noturno é mais do que necessário? Pois bem, geralmente em situações nas quais preciso descansar, meu corpo trabalha contra e permanece em estado de alerta. Foi o caso desta madrugada... não houve consenso entre os comandos cerebrais e o restante do corpo.

Alternando tremor e sudorese, o período compreendido entre 00h e 6h15 de hoje, o caos instalou-se e provocou uma relativa piora no quadro clínico da blogueira aqui. Se não bastasse estar medicada, haver ficado em casa ontem o dia inteiro (ainda que em frente ao notebook, tentando dar conta das pendências... e de forçar imensamente as cordas vocais, para me fazer ouvir pelo celular, que também achou de não me deixar em paz), uma noite mal dormida traz a sensação de que foi tudo em vão.

Entretanto, trabalhar é preciso. Cá estou, em pequenos cacos que consegui reunir e agrupar, mal e porcamente. Veremos se chego ao final do dia, ainda que nas mesmas condições físicas em que me encontro agora. Há de ser uma vitória, rsrs.