segunda-feira, 8 de abril de 2013

Chamada

Já falei aqui da história do beijo do Dementador, e suas consequências. Pois bem, descobri um blog incrível, o "Escolha sua Vida". Você, leitor, deve estar preocupado com minha sanidade mental. Calma, estou bem... ainda não jogo pedra na Lua, tampouco praga nos outros. Aliás, só não jogo praga nos outros em respeito à lei do retorno, porque uns e outros bem que merecem!

Ok, mas vamos aos esclarecimentos... a Paula, do blog que mencionei, é formada como eu, e após 15 anos decidiu largar a vida que as outras pessoas classificariam de "bem-sucedida", para se dedicar ao que ama fazer: escrever. Com isso, ela ganhou tempo livre para si, e para o filho de 4 anos.

Provavelmente, caminho para aprender a conjurar feitiços e afastar os Dementadores da minha vida. Ou, como queiram, abandonar o formalismo e partir para o desconhecido e sedutor mundo do menos-é-mais-e-felicidade-é-o-ponto. 

Já deu o que tinha que dar, causou mais sofrimento do que se deve suportar na vida. Se a gente pula rapidinho quando a água do banho é escaldante, por que se permite cozinhar, simplesmente por preguiça, medo, preconceitos? Não quero esperar muito mais. Chega de "mamãe não pode me sustentar", ou pior, "não tenho marido, nem quem me banque".

Como diria Luiza Possi, "vou atravessar a avenida que liga você a mim, estou a 100 por hora, a vida é mesmo agora e eu vou até o fim".