quarta-feira, 7 de julho de 2010

Ansiedade

A ansiedade é um sentimento de apreensão desagradável, vago, acompanhado de sensações físicas como vazio (ou frio) no estômago (ou na espinha), opressão no peito, palpitações, transpiração, dor de cabeça, ou falta de ar, dentre várias outras.
(tirei daqui


Levanta a mão aí quem nunca sentiu nada parecido, rs! Ora, ora, eu sempre me pego com pelo menos um dos sintomas de ansiedade. Quando acordo, a preguiça vem atrelada a angústia de não conseguir me arrumar e sair no horário previsto. Nos dias em que namorido vai chegar, percebo que minhas espiadinhas no relógio são mais frequentes, e geralmente acompanhadas de um suspiro desolado, rs. São alguns exemplos da ansiedade no meu cotidiano.

Mas claro, tem aquela ansiedade pelo novo, pelo esperado há tanto tempo... a Lara, por exemplo, deve estar buscando uma ocupação para que as horas passem logo, já que hoje nasce o primeiro sobrinho, de quem ela será uma orgulhosa e coruja madrinha, rs.

A Nat Costa, a essa hora, provavelmente está vivendo um misto de angústia pela partida definitiva para BH e a saudade antecipada da vida que vai deixar aqui em Fortaleza. 

Euzinha, claaaaaaaaaaaaaaaaaro, escrevi esse post em meio a uma angústia sem fim, por um motivo que depois eu explico com detalhes, quando for certo, rs. Ah tá, essa ansiedade não me impede de estar otimista com o resultado, de jeito nenhum!

Que esse dia recém iniciado passe rapidinho, e minhas preces sejam ouvidas e atendidas. Amém!