quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Para Rebecca

Lembro o dia em que o telefone tocou, já tarde da noite (ou cedo da madrugada, sei lá)... e do outro lado da linha, alguém que avisava: ela está a caminho!

Eu tinha 10 anos quando ela nasceu, e o dia em que a conheci foi tão mágico que parecia manhã de Natal! Eu queria segurá-la, e fui orientada a sentar numa cadeira, e um dos adultos a colocou no meu colo. Sim, era a primeira prima mais nova, e a única que moraria em Fortaleza, como nós 3 (eu e meus irmãos).

Dali por diante, os domingos na casa da vovó eram repletos de expectativas pela chegada dos meus tios, trazendo aquela bebezinha lindinha.

Os anos se passaram sem que ela perdesse a doçura, o ar meigo e encantador!

Eis que ontem, dia 26 de fevereiro de 2013, ela se graduou em Jornalismo, aos 21 anos. Como disse meu tio, "participar de um sonho realizado não tem preço". E é a mais pura verdade, porque quem acompanhou a trajetória sabe: não foi fácil, nunca foi. As adversidades foram muitas, os entraves também, mas ao invés de se entregar às lamúrias, perder-se pelo caminho, ou desistir - como faz a maioria - ela simplesmente seguiu em frente.

Foi trabalhar para pagar a faculdade, batalhou para fazer cursos, com pais e avós sempre ali, dando suporte, apoiando e orientando. De fato, aí está uma mulher que fez de todos os limões que a vida lhe deu, limonadas, tortas, caipirinhas e afins.

Tenho muito, muito orgulho de saber que a nossa família agora tem outra graduada!!! Parabéns Rebecca, prima querida.

We love you.