quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Em paz com a balança, e de short tam.40!

Imagem daqui
Fazendo um breve retrospecto, creio haver desperdiçado pelo menos 15 anos numa batalha com a balança repleta de perdas e ganhos, literalmente.

Quando me livrei da pressão - externa e interna - para emagrecer, disparei um gatilho que me conduziu ao ponto em que me encontro: em paz. Sabe aquela sensação de vestir determinadas roupas e ora servirem perfeitamente, ora simplesmente cair pelo corpo, mesmo abotoadas?

Pois bem, hoje no horário de almoço, corri com a Layle na C&A do centro, descrente, pois já havia rodado a loja do Iguatemi e não encontrei nada. 

Para noooooossa alegria, rs, não só encontramos (sim, a Layle se esmerou em descolar modelitos l-i-n-d-o-s! *valeu nega!*), como os de tamanho 40 fecharam lindamente. Resultado? Viajo amanhã feliz com o peso que a balança me mostrou essa manhã, e com shorts fofos na mala!!!

E não foi milagre, tampouco um trabalho hercúleo, mandar pro espaço 6kg... só lembrando que eu não fiz e não faço exercícios com regularidade... então o mérito é da perseverança na dieta mesmo. Ah! também não vivi todo esse tempo de água e alface... rolaram uns casamentos no interregno, umas comidinhas preparadas pelo amado, um vinho, um espumante... e tranqueiras comestíveis, claro.

Aquela história de comer para viver é verdade... mas a gente passa muito tempo vivendo para comer! Hoje, consigo perceber quando estou satisfeita, e deixar - sem remorso - a comida no prato; ou dividir com o João, sem gulodice.

Ainda pretendo eliminar mais 3kg... não acho exagero, é um peso adequado para minha altura, e respeita minha compleição física. Bom, mas estarei de férias, então uma caminhadinha na praia não parece má ideia! 

Rumo ao reveillon mais magro dos últimos tempos! \o/